sexta-feira, 25 de abril de 2008

Metrô de São Paulo, é turismo.



Este meio de transporte social, inserido na principal cidade no hemisfério sul, propriamente na cidade de São Paulo, capital do Estado de mesmo nome, Brasil.

Uma empresa de gestão estatizante, prioriza ações de lazer e cultura utilizando as instalações de suas estações, interagindo com os centros culturais, ampliando seu espectro de ação, não somente no transporte para o trabalho, facilitando o conceito o movimento turístico para todos os públicos, inclusive estrangeiros.



O Metrô de São Paulo não vai parar de funcionar na madrugada de sábado, 26 de abril, para domingo, 27 de abril. Todas as estações das linhas 1-Azul, 2-Verde e 3-Vermelha permanecerão abertas durante toda a madrugada de domingo e os trens circularão sem interrupção. O quadro de agentes de segurança será reforçado. Todas essas medidas visam atender as pessoas que irão ao evento "Virada Cultural".

O Metrô solicita aos seus usuários que comprem os bilhetes com antecedência. Em todas as linhas, as estações permanecerão abertas para embarque e desembarque dos usuários. Só a operação da Linha 5-Lilás, que atualmente não funciona aos domingos, não sofrerá alteração e será encerrada à meia-noite de sábado, dia 26.

A reabertura das estações dessa linha ocorrerá às 4h40 de segunda-feira, dia 28.

Para obter mais informações sobre o evento, acesse o site http://viradacultural.org.
Além da "Virada Cultural", sugerimos algumas atrações que são as seguintes:



ESTAÇÃO / PALMEIRAS - BARRA FUNDA
Dentro do projeto Conexão Latina, o grupo Mira Ira (da cantora Miriam Miràh) divide as atenções com Lô Borges, integrante do mítico Clube da Esquina.
ESTAÇÃO / TRIANON - MASP
Canções da Alma é o nome do espetáculo da cantora de origem judaica Fortuna, que pesquisa o cancioneiro sefardita.
ESTAÇÃO LIBERDADE
Sempre espirituosa, a intérprete e compositora carioca Angela Ro Ro homenageia diversas cantoras no espetáculo Mulheres, Eternas Musas. Ro Ro relê jóias consagradas pelas vozes de Bibi Ferreira (Gota d'Água, de Chico Buarque) e Cássia Eller (Malandragem, de Frejat e Cazuza), entre outras. Amor Meu Grande Amor, grande êxito de sua trajetória, também foi selecionada.
ESTAÇÃO SÉ e ESTAÇÃO SÃO BENTO
Com três projeções de vídeo, a artista paulistana Sonia Guggisberg transforma o antigo cofre do Banco do Brasil, no subsolo, em uma nascente que transborda e inunda todo o espaço expositivo.
ESTAÇÃO SANTUÁRIO NOSSA SENHORA DE FÁTIMA - SUMARÉ (ao lado do Centro Cultural Judaico)
O barítono paulistano Walter Weiszflog tem na música sacra uma de suas grandes paixões. Tanto que já gravou oito CDs dedicados ao gênero.
ESTAÇÃO DA LUZ
Sob a batuta do maestro-adjunto Wagner Polistchuk, a Orquestra Sinfônica de Santo André visita a Sala São Paulo. Káthia Bonna sola no Concerto Nº 22 para Piano e Orquestra K. 482, de Mozart.
ESTAÇÃO JARDIM SÃO PAULO
Atriz e militante política, a austríaca radicada na Alemanha Helene Weigel (1900-1971) foi casada com o poeta e dramaturgo Bertolt Brecht, com quem fundou a companhia "Berliner Ensemble", em 1949.
ESTAÇÃO REPÚBLICA
A tradição do balé é revivida nas dezesseis coreografias que formam o programa Divertissement..

Companhia do Metropolitano de São Paulo - Metrô

http://www.metro.sp.gov.br
Sede: Rua Boa Vista, 175, CEP 01014-001
Fone (0xx11) 3291-7800 - São Paulo - Brasil
marketing@metrosp.com.br



Mais linhas com padrão de metrô: essa é a principal reivindicação dos moradores da Região Metropolitana de São Paulo. O Plano de Expansão do Governo do Estado, no valor de R$ 19 bilhões, o maior investimento já feito no setor, está sendo implementado, com sua participação, para atender a essa demanda.

Até 2010, a rede com qualidade de metrô, atualmente com 61 quilômetros de extensão, será quatro vezes maior, chegando a 240 quilômetros, sendo 160 quilômetros em forma de metrô de superfície, na CPTM.

Atuando nas Regiões Metropolitanas de São Paulo, Campinas e Santos, núcleo mais dinâmico da economia nacional, com 67 municípios e 23,7 milhões de habitantes, o Plano de Expansão permitirá a revitalização urbanística dessas regiões e o seu desenvolvimento econômico.

Novos trens

Além da modernização de trens do Metrô e da CPTM, estão sendo comprados 99 novos trens. Para se ter uma idéia do andamento do Plano de Expansão, dos 45 trens modernizados da frota da CPTM, 19 já foram entregues à população. A Linha 9-Esmeralda, da CPTM já recebeu 6 novos trens e terá outras 6 composições entregues até o final do segundo semestre. Já a Linha 11-Coral teve 4 trens de sua frota modernizados.

Em 2009, entrarão em operação os primeiros trens novos na Linha 2-Verde, do Metrô. Na CPTM, 15 trens modernizados já estão rodando na Linha 12- Safira e 2 na Linha 7-Rubi.

Novas estações

No ano passado foram inauguradas as estações Alto do Ipiranga, na Linha 2-Verde (Metrô), além das estações Jurubatuba e Autódromo, na Linha 9-Esmeralda, da CPTM. Concluindo a ampliação da Linha 9, em abril deste ano, foram entregues duas unidades: Grajaú e Primavera-Interlagos e na Linha 12-Safira: USP Leste, Comendador Ermelino, Jardim Helena-Vila Mara, Itaim Paulista e Jardim Romano.

Novas Linhas

No Metrô, a população também será beneficiada com a entrega da primeira fase da Linha 4-Amarela (Butantã, Faria Lima, Paulista, República e Luz), com a extensão da Linha 2-Verde até Vila Prudente e a Linha 5-Lilás até Chácara Klabin. A CPTM terá o Trem de Guarulhos, futura Linha 13-Jade, que ligará a cidade de Guarulhos ao sistema metroferroviário, interligando-se à atual Linha 12-Safira, além dos novos serviços expressos (Aeroporto, ABC e extensão do Expresso Leste até Suzano). Novos corredores de ônibus da EMTU/SP (Diadema-Brooklin, Guarulhos-Tucuruvi e Noroeste-Região de Campinas) também serão construídos.

Sistemas

Outro item importante é a mudança da sinalização, que utilizará tecnologia de ponta e proporcionará uma operação mais segura e rápida, permitindo a redução da distância mínima entre os trens de 150m, no Metrô e 450m, na CPTM para 15m em ambas as empresas. O novo sistema possibilitará a diminuição dos intervalos entre os trens para 85 segundos - o menor intervalo do mundo - garantindo maior oferta de lugares e conforto aos usuários.

Metrô Leve

Na Baixada Santista, entre Suzano e Mogi das Cruzes e entre a Estação São Judas do Metrô e aeroporto de Congonhas, o Plano de Expansão vai inovar com o Metrô Leve, veículo leve sobre trilhos de última geração que não agride a paisagem urbana. Atento à demanda do local e com pouca interferência ao meio urbano, o Metrô Leve insere um novo conceito de transporte rápido, seguro e limpo, feito sob medida para melhor atender às características das regiões que vão recebê-lo.

Incentivo ao transporte não-motorizado

Em fevereiro de 2007, foi implementado o programa Ciclista Cidadão que permite o acesso de pessoas com bicicletas nas estações da CPTM e Metrô aos finais de semana e feriados. Sábado, das 15h às 20h e aos domingos e feriados, das 7h às 20h.

Além do programa Ciclista Cidadão, o Plano de Expansão contempla a construção de mais 16 bicicletários na CPTM, que totalizarão 28 unidades até 2009 com 3.850 vagas. Algumas estações do Metrô e terminais da EMTU também terão bicicletários.

Caminho Verde

O Caminho Verde é uma ciclovia entre dois bicicletários localizados nas proximidades das estações Itaquera e Tatuapé, do Metrô. Trata-se de um projeto em parceria com a Prefeitura de São Paulo, que prevê a remodelação urbanística e incentivo à redução de emissões de CO².

Mais Qualidade de Vida

Ao todo, 235 mil toneladas de poluentes serão retiradas da atmosfera. No entanto, de todos os benefícios que o Plano de Expansão irá proporcionar, certamente o mais significativo será a diminuição do tempo de viagem, melhorando de maneira objetiva o deslocamento e, conseqüentemente, a vida das pessoas. Para se ter uma idéia, o passageiro que utiliza na ida e na volta o trecho Vila Prudente – Pinheiros, ganhará diariamente mais de 2 horas.

Nenhum comentário:

JcSHOW

Seguidores

Onde está o rei!

JC no Youtube

Loading...

No you, it´s 4shared