domingo, 11 de março de 2012

World Spa Awards 2012 - Lapinha Spa / Curitiba (entrevista: Beno Holcberg)

Único representante nacional, Lapinha foi um dos vencedores do World Spa Awards na categoria melhor destino de spa das Américas. Perto de completar 40 anos, o brasileiro Lapinha Spa foi eleito esta semana como o melhor destino de spa das Américas pelo World Spa Awards, premiação internacional do setor realizada anualmente em Londres, na Inglaterra. Organizado pela Convenção Europeia de Spas, o prêmio reconhece os melhores do setor em duas categorias: spas de hotéis e spas de destino em cinco regiões: Europa, Ásia e Austrália, Oriente Médio, África e Américas.

A avaliação dos finalistas inclui visitas de clientes ocultos e de um juiz oficial, além do julgamento de uma bancada internacional. O Lapinha Spa concorria com o Spa Eastman, de Quebec, no Canadá, e o Aqua Wellness Resort, em Rivas, na Nicarágua. “Foram 129 spas cadastrados e ficamos entre os três selecionados para a final. Os concorrentes eram fortes, mas graças à nossa equipe conquistamos esse reconhecimento”, diz Marianne Brepohl, diretora de Marketing do Lapinha Spa. Localizado em uma fazenda de 550 hectares, o Lapinha Spa fica na região rural da cidade de Lapa, no Paraná, a aproximadamente 85 km de Curitiba. O empreendimento dispõe de mais de 40 tipos de tratamento, incluindo a chamada terapia naturista, ou seja, a prevenção de doenças por meio de hábitos saudáveis, e alimentação orgânica.

Ainda entre os vencedores do continente americano, o californiano Montage, dos Estados Unidos, foi o melhor na categoria hotel spa. Em localização privilegiada, entre o mar de Laguna Beach e montanhas, o spa oferece desde massagens a tratamentos antienvelhecimento, desintoxicante e energizante.

Já na Europa, os ganhadores foram o suíço The Dolder Grand Spa, com 18 salas de tratamento e uma piscina indoor de tirar o fôlego, e o austríaco Lanserhof, com seus ambientes clean e uma grande variedade de terapias.

o Oriente Médio, o melhor hotel spa do ano foi o Assawan Spa & Health Club, localizado no Burj Al Arab, um dos mais luxuosos hotéis de Dubai. Na categoria destino, o ranking foi liderado pelo Six Senses at Zighy Bay, de Omã, que ganhou também no continente africano, ao lado do One and Only Spa, da Cidade do Cabo, África do Sul. Na Ásia e Austrália, venceram o The Oriental Spa at The Landmark Mandarin, de Hong Kong, e o Kamalaya Wellness Sanctuary, da Tailândia.

Lista completa de vencedores:
Europa
Melhor hotel spa: The Dolder Grand Spa, Suíça
Melhor destino de spa: Lanserhof, Áustria

Américas
Melhor hotel spa: Spa Montage, Estados Unidos
Melhor destino de spa: Lapinha Spa, Brasil

Ásia e Austrália
Melhor hotel spa: The Oriental Spa at The Landmark Mandarin, Hong Kong
Melhor destino de spa: Kamalaya Wellness Sanctuary, Tailândia

África
Melhor hotel spa: One and Only Spa, África do Sul
Melhor destino de spa: Six Senses at Zighy Bay, Omã

Oriente Médio:
Melhor hotel spa: Assawan Spa & Health Club, Dubai
Melhor destino de spa: Six Senses at Zighy Bay, Omã

Serviço:
Assawan Spa & Health Club - Dubai / Tel.: 971 (4) 301-7777
Kamalaya Wellness Sanctuary - Tailândia / Tel.: 66 (0) 7742-9800
Lanserhof - Áustria / Tel.: 43 (512) 386-660
Lapinha Spa – Brasil / Tel: (41) 3622-1044 / 0800 643-1090
One and Only Spa - África do Sul / Tel.: 27 (21) 431-5888
Six Senses at Zighy Bay - Omã / Tel.: (968) 2673-5888
Spa Montage - Estados Unidos / Tel.: 1 (949) 715-6010
The Dolder Grand Spa- Suíça / Tel: 41 (44) 456-6000
The Oriental Spa at The Landmark Mandarin - Hong Kong / Tel.: (852) 2881-1288

Beno Holcberg, administrador de empresas pela Fundação Getúlio Vargas (FGV/EAESP), com pós-graduação em Gestão Estratégica no Turismo e Hotelaria, sócio da Recantos & Requintes, consultor de negócios na indústria do turismo e hotelaria.

O que são os pequenos meios de hospedagem?
A Recantos & Requintes é um empresa que apóia a gestão, promoção e comercialização dos pequenos meios de hospedagem em quase todo território nacional, nicho onde viajar com estilo em busca de Brasilidade é a tônica. No Brasil assumimos que pequenos meios são estabelecimentos que contemplam até 70 unidades habitacionais no máximo, entre quartos, bangalôs e chalés, para hospedagem. Há países que restringem apenas até 40 unidades. Os principais segmentos deste nicho são as pousadas, mas há outros perfis que despontam como os SPas, as fazendas históricas e mais recentemente os pequenos resorts.
Como se deve programar uma viagem no Brasil?
No caso deste segmento de pequenos meios de hospedagem, as viagens de fins de semana, constituem um fluxo relevante, e são em geral programadas com pouca antecedência, o que constitui uma oportunidade para quem reúne informação prática e clara, com facilidade de pesquisa, como no mecanismo de busca detalhada no portal.

Solar da Singuitta, pousada em área de desenvolvimento turístico (Ilhabela), tem privacidade e conforto, e entre outras atributos de luxo tem heliponto.
Outro fator que afeta esse fluxo é a distância que pela precariedade de alguns acessos, se torna decisivo não prolongando demais a estadia, logo o filtro de distância no portal é um dos mais requisitados, e a prática indica o que se previa, que o deslocamento máximo é de 300 kms. Outro tipo de fluxo pra essas unidades são as férias e feriados, em geral planejados com mais antecedência, e envolvem com mais freqüência a parte aérea.
Os guias atendem hóspedes e hoteleiros?
Os hoteleiros estão reunidos num único espaço, nossos guias são distribuídos nos melhores pontos de venda, como as livrarias FNAC, Saraiva, La Selva e Cultura, ou em no portal, com informações diferenciadas e atualizadas. Criamos um fluxo turístico para os estabelecimentos, com a chegada de hóspedes que não viriam por si sós. Eles chegam por um qualificado caminho editorial, tanto nos guias como na Internet, onde nenhum dos meios de hospedagem, dos restaurantes ou bares citados, paga para ser inserido, é uma referência inédita de consulta que vence barreiras como a sazonalidade e a localização.

Beleza natural com sofisticação. Pousas Ilha de Toque Toque
Há grandes diferenças entre os tipos de pousadas?
O público que atingimos, de padrão A e B+, busca personalização, riqueza de detalhes, conforto, sofisticação, cortesia, enfim a arte do bem-receber. Mas há certa distinção em quem procura os SPAs, pois estes estenderam os conceitos de acolhimento também para bem-estar, saúde, alimentação especial, relaxamento, etc.
Como são os seminários da Recantos & Requintes?
Os seminários de aprimoramento que oferecemos para empresários do setor de hotelaria fazem parte de um projeto de troca de informações entre os mais de 550 operadores de pequenos meios de hospedagem com quem nos relacionamos. Focamos a disseminação de conhecimentos que impactem no negócio, com troca de experiências e práticas seja na gestão, no marketing e vendas, na sustentabilidade associada ao meio ambiente, tanto no tocante a perpetuação do negócio, como de cunho ambiental, social e comunitário. Estas pequenas unidades de negócios, além de personalidade própria na arquitetura, localização e paisagem, necessitam de apoio com vantagens competitivas em formas de compras de serviços e insumos, com taxas mais vantajosas, melhores condições de pagamento, acesso a melhores meios de divulgação, que só associações poderão obter.
Como são produzidas as informações dos guias?
Levantamento in loco, por repórteres especializados, coordenados por editor de larga experiência no turismo, foram visitados mais de 1000 pequenos meios de hospedagem, de um total estimado de 10.000 no Brasil. O banco de informações e imagens é próprio, pesquisa-se mais de 250 atributos e muitas fotos são dos próprios repórteres, o compromisso também é a cada ano e meio refazer a visita técnica para atualização do conteúdo. Com relação aos atributos pesquisados há todo o tipo de questões, desde a estrutura operacional, até detalhes sobre tratamento de esgoto e utilização da água de chuvas, importantes para o turismo sustável.

Xales de Maracaipe, reúne características de uma fazenda e pousada a beira mar
A regionalização é imprescindível em um guia?
Um guia pode contemplar tudo, mas sem dúvida deve estar comunicado e posicionado de forma a evidenciar a regionalização, ainda mais num país tão diverso e de proporções continentais como o Brasil. Ainda não conseguimos atuar na região norte. Quando consulta o guia, o turista nem sempre pensa em uma viagem próxima e vendo o país pensa em ampliar seus horizontes, realizar sonhos.
Como se dá o contato da Recantos & Requintes com os usuários?
Nossa central de reservas já aponta viajantes freqüentes, que são estimulados a se cadastrar, hoje reunimos 32 mil cadastrados, a melhor recomendação ainda é de boca em boca, mas esse cliente está se habituando a utilizar um intermediário, como a Recantos & Requintes, nesse tipo de viagem. Um facilitador é, sem dúvida, que aceitamos todos os meios de pagamento, e facilitamos o financiamento, algo que os pequenos empresários tem dificuldade de fazer.

Xales de Maracaipe
lazer?
Lazer com a família, esportes, leitura, viagens refrescam e suavizam a intensidade e os desafios de empreender. Num negócio inédito como ferramenta de distribuição, promoção e apoio a gestão de um segmento, disperso pelo país e carente de produtos e serviços profissionais, há uma constante quebra de paradigmas culturais e negociais, resultando num associativismo de valor. Ou em outras palavras, nós deste ramo, mesmo em férias, estamos pesquisando e trabalhando.
Qual foi uma viagem inesquecível?
Portugal é impressionante! É uma região, que reúne num deslocamento geográfico rápido diversidade de paisagens, história, atrativos naturais e culturais, gastronomia, com acolhimento ainda muito especial, parece que você, no melhor dos sentidos, está em casa. Destaco Cabo Espichel, Lisboa, Porto, Guimarães, Serra da Estrela, Óbidos e Sintra.


The Thermes Marins Spa at AYANA Resort and Spa Bali was awarded #1 Spa in the World in the 2010 Conde Nast Traveller Readers' Spa Awards!

Nenhum comentário:

JcSHOW

Seguidores

Onde está o rei!

JC no Youtube

Loading...

No you, it´s 4shared